O Melhor fórum de entretenimento da Internet


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Viciados em Cinema » Viciados em Dvd's e Blu Ray's » Review's de Blu-Rays ou DVD's » Lanterna Verde - Versão Estendida (Blu-ray)

Lanterna Verde - Versão Estendida (Blu-ray)

Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Ir em baixo  Mensagem [Página 3 de 3]

Renato Oliveira

avatar
Membro Platina
Membro Platina
Lanterna Verde é muçulmano e descendente de árabes em novo HQ
Relançamento da série de quadrinhos traz Simon Baz na pele do herói.
'É uma história muito pessoal', diz criador, que tem ascendência libanesa.



Quando a DC Comics decidiu expandir seu universo e partir para o desenvolvimento de um futuro corajoso e diversificado, Geoff Johns usou seu passado como árabe-americano para criar um novo personagem.
O diretor criativo e escritor do relançamento de "Lanterna Verde" desenvolveu então Simon Baz, versão árabe-americana do herói. O personagem e seu criador compartilham uma ascendência libanesa que tem em comum uma área da cidade de Detroit, que possui uma das maiores e mais antigas comunidades árabes nos Estados Unidos. "Pensei muito sobre isso, em voltar ao que era familiar para mim", disse Johns à AP por telefone na semana passada, de Los Angeles, onde vive agora. "Esta é uma história muito pessoal".
A história de Baz começa na edição zero que será lançada nesta quarta-feira (5), e é parte do esforço da empresa em preencher lacunas ou contar as origens de um personagem ou de um grupo. Johns não deixará Baz ser secundário - o personagem está ligado à Liga da Justiça, grupo muito importante da DC Comics, na qual ele luta ao lado do Arqueiro Verde, Mulher-Gato e Gavião Negro.
Johns disse se baseou na parte econômica e étnica de Detroit para seu personagem, com Baz recorrerendo ao roubo de carros após ser demitido de seu trabalho de engenheiro automotivo. Mas ele rouba o carro errado, o que, inadvertidamente, o leva a um grupo terrorista e, eventualmente, ele recebe uma chamada inesperada para se juntar à polícia galáctica.
Sua pele morena é originária de Dearborn, cidade natal de Henry Ford e capital da "América árabe". Sua história começa aos 10 anos de idade, quando ele e o resto da família muçulmana assistem horrorizados, na televisão, os aviões colidindo com o World Trade Center em 11 de setembro de 2001. Os acontecimentos se desenrolam a partir daí com árabes e muçulmanos caindo sob suspeita intensa nos Estados Unidos por anos após os ataques. "Obviamente, isso estava afetando todo mundo", disse Johns, que cresceu em um subúrbio próximo a um lar cristão libanês e que começou a gostar de quadrinhos quando descobriu a coleção antiga de seu tio no sótão da casa de sua avó. "Uma das coisas que eu realmente queria era mostrar o efeito muito negativo sobre Simon e sua família".
Baz não é o primeiro personagem árabe ou muçulmano a dar a graça - ou ameaçar, como historicamente tem sido o caso - no mundo dos quadrinhos. A Marvel Comics tem Pó, uma jovem mulher afegã mutante com capacidade de manipular a areia e poeira e que tem sido parte dos populares quadrinhos dos X-Men. A DC Comics introduziu, no final de 2010, Nightrunner, um jovem herói muçulmano de ascendência argelina criado em Paris. Ele faz parte da rede global de combatentes do crime criados por Bruce Wayne, o Batman.
Frank Miller, que assumiu Batman em "The dark knight returns", em 1986, tomou um rumo diferente em seu recente livro, "Holy terror", que conta a história de The Fixer e seus esforços para acabar com terroristas islâmicos. A HQ inicialmente quis mostrar os esforços de Batman em combater o terrorismo, ideia surgida a partir de experiências do próprio Miller em Nova York no 11 de setembro.



A missão de trazer heróis islâmicos para o mundo dos quadrinhos vem de Naif Al-Mutawa, criador de "The 99". O psicólogo do Kuwait tem ganhado adeptos em todo o mundo desde o lançamento de 2006 da revista em quadrinhos que virou série de TV. "The 99" é o número de qualidades que o Corão dá para Deus: força, coragem, sabedoria e misericórdia estão entre eles. A série ganhou grande público em 2010, quando trabalhou em união com a DC em um uma série de seis episódios que uniu o "The 99" com a Liga da Justiça.
Johns, que também escreveu histórias estrelados pelo Super-Homem, Flash Gordon e Teen Titans, disse que a diversificação só funciona se houver uma boa história, e ele acredita que a conseguiu com Baz. Mas não o confunda com um herói logo de cara: Baz decepciona tanto muçulmanos devotos - sua tatuagem no antebraço que diz "coragem" em árabe é considerada "haram", ou religiosamente proibido - quanto a parte mais ampla da sociedade ao entrar na vida do crime.
"Ele não é um personagem perfeito. Obviamente cometeu alguns erros em sua vida, mas isso o torna mais atraente e compreensível", disse. "Esperamos que seja um personagem convincente, independentemente da cultura ou origem étnica... Mas eu acho que é ótimo ter um super-herói árabe-americano".
Johns, claro, espera que os fãs do Lanterna Verde aceitem Baz, que se junta a outros seres humanos que foram "escolhidos", incluindo Hal Jordan, John Stewart, Guy Gardner e Kyle Rayner. O relançamento global tem sido bom para a DC, que tem visto um aumento sólido em vendas e boa recepção por parte da crítica.
O autor também vê a estréia de Baz como uma chance para se reconectar com as pessoas de sua cidade natal: ele irá visitar Dearborn neste fim de semana para eventos relacionados ao lançamento, que incluem um dia de autógrafos no sábado em uma loja de quadrinhos e uma apresentação no domingo sobre sua carreira e seus personagens no Museu Nacional Árabe-Americano. Ele trabalhou com a equipe do museu para se certificar de que compreendeu bem alguns detalhes sobre o personagem e sobre a comunidade árabe-muçulmana. "Isso não define totalmente o personagem, mas ajuda a moldá-lo", disse. "Minha maior esperança é que as pessoas aceitem e entendam o que estamos tentando fazer".

http://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2012/09/lanterna-verde-e-muculmano-e-descendente-de-arabes-em-novo-hq.html



Última edição por Renato Oliveira em Seg Set 10 2012, 23:59, editado 1 vez(es)

Ver perfil do usuário

Marcelo

avatar
Moderador
Moderador
Renato, posta essa notícia no tópico de super-herois ou de novidades por que esse tópico é pra falar do Blu-ray do filme do Lanterna.

Ver perfil do usuário

Renato Oliveira

avatar
Membro Platina
Membro Platina
Ok,então pede para O Arthur ou um Moderador excluir a mensagem porque agora não da mais para mim fazer isso.

Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo  Mensagem [Página 3 de 3]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum